PORTAL POÉTICO CCF NO SEU IDIOMA

ITAPERUNA, MINHA TERRA

ITAPERUNA, MINHA TERRA
De Itaperuna para Praia Grande

quarta-feira, outubro 22, 2008

AMIGOS

Não quero parecer oportunista, mas desejo sinceramente cumprimentar meus amigos que saíram vitoriosos nessa ultima eleição em Praia Grande.
Vejo no rosto de cada um, uma indisfarçável satisfação sempre que olham para mim.
A mensagem transmitida é:
-Eu não disse! Você não mudou de lado lado por que não quis.
Mesmo assim eu os parabenizo. Só lamento nesse processo de ascensão deles, o fato de não poder mais ouvir os seus reclamos contra a burguesia instalada na cidade, a corrupção, a malversação de recursos, a situação da periferia onde pessoas ainda pisam na lama, no lodo e na bosta e sofre no corpo a ação desses dejetos, a falta de capacitação dos nossos jovens. Nossas conversas eram profundas e sempre ao final delas o nosso sentimento era de que estávamos com a nossa posição colaborando para a salvação da nossa cidade, amparados no principio magno da democracia que é a alternância de poder.
Hoje, tudo isto ficou para traz e para eles um novo tempo se anuncia. Muito diferente daqueles onde juntos procurávamos achar a solução para a nossa pindura, falta de emprego e dificuldades para pagar as nossas contas ao final do mês. Penso que desses problemas eles não sofrem mais.
Como me disse um:
-“O meu prato de sopa está garantido”.
Mais ainda há muitos como eu, que acreditam em tudo que discutíamos e nós poderemos nos conhecer por essas ruas de tijolos vermelhos.
E como diz um desses amigos, sempre que cruza comigo: “A vida continua”.
Continuará mais do que nunca para aqueles que como eu, querem uma Praia Grande sempre melhor e melhor para todos!
Pois a nós só resta lutar para este sonho sobreviver, enquanto aos outros resta não cair sobre si, o peso do engano, o pior de todos os sentimentos.
Entre o engano e a luta, eu dou graças por ter ficado com a luta. Como dizia Voltaire é a única forma de sobreviver ao poder.
Um abraço a todos esses meus amigos e felicidades na sua nova postura social.

Nenhum comentário:

Biografia

Celso Corrêa de Freitas
56 anos.
Poeta, Escritor e Articulista.
Nascido em Itaperuna-RJ, aos 26 de Agosto de 1954.
Atual Presidente (O sexto) da Casa do Poeta Brasileiro de Praia Grande-SP e da Confraria de Artistas e Poetas pela Paz - CAPPAZ Seccional de Praia Grande-SP.
Coordenador da Cappaz para a Costa de Mata Atlântica(Baixada Santista).
Colaborador ativo nos jornais e demais meios de comunicação (Blogs e Sites). Participante, prefaciante e Organizador de Antologias e livros solos.
Contato: Celso.correadefreitas@gmail.com-casadopoetabrdepraiagrande@gmail.com-ccfcappaz@globomail.com
Sites: www.portalpoeticoccf.blogspot.com-www.casadopoetapg.com.br-www.cappaz.com.br