PORTAL POÉTICO CCF NO SEU IDIOMA

ITAPERUNA, MINHA TERRA

ITAPERUNA, MINHA TERRA
De Itaperuna para Praia Grande

segunda-feira, novembro 17, 2008

PROJETO CNCCF

Prezados amigos!

Esta noite (16/11/08), eu tive um sonho! Nele eu elaborava as normas para a outorga do Diploma de mérito ao Cidadão Notável Construtor de Cidadania e Fraternidade.
Acordei e fiquei a pensar em quem; aqui em Praia Grande, eu indicaria como merecedor de tal honraria.
Escolhi três pessoas que serão as minhas indicações. Gostaria que você ao aceitar como válida esta iniciativa, indicasse as sua três pessoas.

Os meus indicados são:

- A Professora Alina Trindade Maximiano Soares.
- O senhor Tito Freire de Camrgo – O seu Tito do Camp
- A Poetisa Elza Lemke Batalha

Para ser objetivo, no dia 13/12/08 (Dia do Lapidador) faríamos a entrega do diploma aos 13 cidadãos Praiagrandenses que recebessem o maior números de indicações.
A cerimônia de entrega ocorreria em solenidade especial a ser pensada.

"Um sonho sonhado sozinho é só um sonho. Um sonho sonhado por muitos vira realidade (AD)".

Qualquer dúvida, sugestão, critica, apoio e considerações, por favor me liguem.
Telefones 3592.2713 e 9157.9815
Meu e-mail: portalpoeticoccf@hotmail.com
celso.correadefreitas@gmail.com

sexta-feira, novembro 14, 2008

CAMINHOS CRUZADOS

Começo de noite, gotas esparsas denunciavam uma chuva que estava por cair naquela rua, onde eu de um lado e “ele” na calçada do outro lado, caminhávamos na mesma direção sob as luzes da cidade ainda acendendo.

Numa das esquinas, “ele” encontra alguns amigos, na mesma faixa etária. Cumprimentam-se com entusiasmo e o choque das suas mãos uma nas outras parecem trovões antecedendo os relâmpagos de uma tempestade.

A conversa é rápida...

- E ai Veio, ta no que?

(Veio! Eu não dava para “ele” mais do que vinte anos. E eu, mais de três décadas à frente. Como seria saudado por eles?

A resposta “dele” foi mais rápida ainda...

- To na busca mano!

Logo, “ele” estava em paralelo comigo, do outro lado da rua.

Agora, caminhava com o seu celular na mão, no qual um som batido, arrastado e falado enchia a rua, revelando o seu gosto musical.

Vieram a minha mente alguns conceitos da minha época de jovem...

“Quem não gosta de samba, bom sujeito não é.”

“Quem gosta de Rock, não tem coração.”

Hoje, alguns defendem a tese que aqueles que gostam desse tipo de música, não possuem cérebro.

Enquanto “ele” curtia o seu som, no meu bolso, o meu celular ficava quieto na sua.

De repente “ele” atravessou a rua vindo para o meu lado. Instintivamente eu fui para o lado onde “ele” estava.

Ficamos assim...

Apressei meus passos e finalmente cheguei a minha casa, onde minha esposa e filhos, já me aguardavam preocupados, pois já passara da hora de eu chegar.

Depois de abraçá-los e beija-los, sentei-me no sofá da sala e fiquei a pensar “nele”.

Pelo batidão do seu celular, “ele” deve ainda estar por ai, pelas ruas da nossa cidade, a procurar...

Biografia

Celso Corrêa de Freitas
56 anos.
Poeta, Escritor e Articulista.
Nascido em Itaperuna-RJ, aos 26 de Agosto de 1954.
Atual Presidente (O sexto) da Casa do Poeta Brasileiro de Praia Grande-SP e da Confraria de Artistas e Poetas pela Paz - CAPPAZ Seccional de Praia Grande-SP.
Coordenador da Cappaz para a Costa de Mata Atlântica(Baixada Santista).
Colaborador ativo nos jornais e demais meios de comunicação (Blogs e Sites). Participante, prefaciante e Organizador de Antologias e livros solos.
Contato: Celso.correadefreitas@gmail.com-casadopoetabrdepraiagrande@gmail.com-ccfcappaz@globomail.com
Sites: www.portalpoeticoccf.blogspot.com-www.casadopoetapg.com.br-www.cappaz.com.br